10.5.17

A Passageira

A Passageira
Jeanne Cordelier
1981
Romance
Este livro foi-me emprestado pelo pai do Qui, que mo apresentou como sendo um livro muito, muito bom. Curiosamente, tinha uma dedicatória: um tal Francisco oferecia um livro com um beijo. :)

Ao início a leitura estava a ser engraçada. A história é muito simples: uma mulher é amante de um traficante de droga que é apanhado. Então ela viaja até aos Estados Unidos para o tentar salvar, sendo então interrogada pela polícia. O romance desfia-se revelando o passado desta mulher, Sara, momentos que ela passou com família ou supostos amigos e o amor que ela tem pelo traficante, um amor obsessivo e realmente pouco saudável.

Mas a autora parece perder-se na sua própria história, demasiadas vezes. Assim, a leitura começa a tornar-se muito cansativa. Para começar, está sempre a mudar de narrador, muitas vezes até no meio da mesma frase. Depois, dedica-se a detalhes que não contribuem nem para a história nem para a caracterização da personagem, sobretudo em momentos de violência física ou verbal ou momentos supostamente eróticos que, não sendo horríveis, são bastante desnecessários.

 Portanto, não é que o livro seja especialmente bom. Mas lê-se.

Sem comentários:

Enviar um comentário